Guilherme Mará

Mará dos 8 BaixosMulti-instrumentista (8baixos, acordeão, violoncelo, cavaquinho e percussão), compositor, arranjador e professor de música, Guilherme de Souza Leão Maravilhas, mais conhecido como Mará, não é nordestino de certidão. Carioca da gema, estudou violoncelo erudito por 7 anos, mas aos 24 anos de idade conheceu o acordeão ou, para os amantes da música nordestina, a sanfona.  Membro-fundador e sanfoneiro da banda  Forróçacana,  um dos grupos responsáveis pelo movimento de resgate e divulgação da música nordestina no Sudeste. Descobriu então que apesar da nascença, seu sangue era realmente nordestino. No trabalho com os 8 baixos, produziu e coordenou CD de Zé Calixto – “Poeta da Sanfona” e o CD independente do tocador Truvinca dos 8 baixos. Desde 2013, como idealizador e membro do “Núcleo”, fincou moradia no Nordeste para realizar “pesquisa viva” sobre a sanfoninha. Atualmente, desenvolve sua própria linguagem no forró pé-de-serra com o projeto Tarrabufado music, dedicando-se exclusivamente à sanfona de 8 baixos e apresentações e oficinas por todo o Brasil, também como sanfoneiro do Forróçacana.

Visite o site de Guilherme Mará  clique aqui!

Como violoncelista atuou em dança e da música popular. Em 1997, iniciou no acordeão e fundou o grupo Forróçacana, para resgate e divulgação da música nordestina no Sudeste. O grupo se apresentou com Dominguinhos, Fagner, Elba Ramalho, Alceu Valença, Moraes Moreira, Geraldo Azevedo, Cássia Eller, Seu Jorge, Jorge Benjor, Lenine, Ed Mota, Zeca Baleiro entre outros. Concorreu ao Grammy Latino como melhor banda regional e ganhou o prêmio TIM de Música Brasileira em 2006.

Já com os 8 baixos, Mará produziu e coordenou o CD de Zé Calixto – Poeta da Sanfona, com apoio da Petrobrás e outro CD independente do tocador pernambucano Truvinca dos 8baixos. Em 2004 coordenou o projeto Forró de Cabo a Rabo realizado nos CCBBs (Rio, São Paulo e Brasília) e o projeto do CCBB-Rio em homenagem a Jackson do Pandeiro (2006).  Atualmente se dedica aos 8 baixos e ao Forróçacana.

Sua missão tem sido, como tocador e educador, revalorizar a arte dos tocadores de 8 baixos que ainda permanece como patrimônio vivo da cultura nordestina e brasileira.

3 comentários

  1. Sou neto e sobrinho de tocador de 8 baixos meu avô era filho natural da Paraíba e veio ainda jovem nos anos de 1920 trazendo na maca uma rede e uma 8 baixos se e casou com minha avó cearesse residente no sitio rio dos moreiras no município de Potengi no Ceará, o filho mais velho começou tocar 8 baixos aos 6 anos vindo a tocar com seu pai nas festas de casamento de toda região, com o falecimento do pai ele comprou uma acordeon e aprendeu a tocar sozinho e logo foi para São Paulo gravou 3 LPS solo e canto de acordeon e 8 baixos musicas de sua autoria o mesmo se apresentou por mais de 10 anos no baile do Zé Bettio no bairro Jassanã. Faleceu em São Paulo no ano 20l3. Nos anos 1967 ganhei uma 8 baixos da marca veado presente do meu pai eu morava no sitio chamado umbuzeiro doce município de Assaré ceará, aprendi a tocar algumas musicas sozinho mais tive que ir para a cidade para aprender a ler e escrever na cidade como a 8 baixos instrumento de som muito alto passei a tocar trancado dentro de um quarto da pequena casa mais os colegas da escola começaram a ter conhecimento que eu tinha aquele instrumento só quem tocava era velho e eu resolvi vender. Só a dois anos consegui comprar uma com mais de 60 anos toda desafinada eu mesmo aprendi afinar e já estou tocando e tentando resgatar as musicas que meu tio levou tanto anos para escrever sua historia não pode morrer., em breve estou postando um vidéo com uma das musicas na 8 baixos. Meu nome artístico Nanaumbu da concertina.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s